Após solicitação via centro de comunicações, de um senhor o qual relatou que durante a madrugada um funcionário de uma empresa localizada na Comunidade de Mato Branco, Zona Rural de Chopinzinho havia ido até o local embriagado e ameaçado outro funcionário utilizando uma arma de fogo e que hoje pela manhã havia iniciado o turno de serviço normalmente o que causou certo desconforto entre os demais funcionários, porém que ao se apresentar no serviço pela manhã não estaria mais de posse da arma. Diante do fato a equipe deslocou até o local, onde em conversa com o solicitante, o mesmo relatou que havia uma equipe de funcionários que trabalhava no período noturno e que um de seus funcionários trouxe ao seu conhecimento que outro funcionário não estava cumprindo com suas obrigações, desta forma a equipe gestora decidiu transferir o turno de serviço do funcionário que estaria causando problemas para o período diurno, onde poderiam avaliar melhor o desempenho do referido funcionário. O solicitante relatou ainda que o funcionário ao tomar ciência da mudança de turno de serviço, demonstrou insatisfação e descontentamento ante a denúncia de seu colega de trabalho, mas que havia continuado os trabalhos normalmente. No entanto, na noite anterior, o homem retornou à empresa de posse de uma espingarda a procura do outro colaborador, o qual ô havia denunciado. Contudo os outros funcionários ao perceberem que poderia acontecer uma tragédia, alertaram rapidamente o colega de trabalho, que ao tomar conhecimento escondeu-se a fim de se proteger, temendo por sua própria vida, na seqüência segundo os envolvidos, como o agressor não o encontrou, foi até sua residência onde retirou da garagem um automóvel e uma motocicleta, de propriedade da esposa da vítima, em seguida ateou fogo em ambos, destruindo-os por completo, que posteriormente o homem saiu tomando rumo ignorado. Ainda segundo o solicitante, chegou ao seu conhecimento por meio de funcionários que o agressor havia escondido a arma em um monte de calcário ou em meio a uma plantação de eucaliptos próxima a empresa. Que de posse das informações, a equipe realizou busca ao autor dos fatos vindo a encontrá-lo nas dependências da empresa, onde foi indagado acerca dos fatos, o qual relatou que havia ido até a empresa, mas que não se recordava o que havia ocorrido, indagado ainda sobre a arma de fogo, o mesmo levou a equipe até uma plantação de eucaliptos próxima da empresa, onde mostrou o local exato que havia escondido a arma, sendo a mesma encontrada, a qual encontrava-se municiada em condições de uso, porém foi tomada as providencias para fins de segurança da equipe e dos envolvidos. De imediato foi dado voz de prisão ao homem pelos crimes de Ameaça, Porte Ilegal de Arma de Fogo e Dano Qualificado. Em continuidade autor, vítima e a arma de fogo, foram conduzidas ao 2º Pelotão de Policia Militar de Chopinzinho para confecção do Boletim de Ocorrência e na seqüência os envolvidos foram novamente conduzidos a Delegacia de Polícia Civil de Chopinzinho para os demais procedimentos cabíveis.

FONTE PM








Um comentário:

  1. Lixo tem que ser jogado no lixo, pra que destruir o carro e a moto, esse tipo é daqueles que não gostam de trabalhar e sim ficar preso.

    ResponderExcluir

Nossos Parceiros

Previsão do tempo

Estamos no Facebook

Nossos Parceiros