A equipe policial recebeu solicitação via COPOM informando que na Rua Faustino Forlin, Bairro Casarão, um jovem estaria agitado quebrando a casa de sua avó. Diante dessa informação, a equipe policial deslocou até o endereço e localizou uma senhora de 75 anos, sentada em uma cadeira próximo à rua chorando, estava acompanhada de uma mulher que tentava tranqüilizá-la. 

Questionada sobre o que estava acontecendo à senhora disse que “não agüentava mais ter suas coisas quebradas pelo seu neto”, referindo-se ao adolescente de 16 anos posteriormente identificado, o qual neste momento veio até a equipe policial dizendo que “ali era ele quem mandava”, de imediato a equipe deu voz de abordagem, sendo que ele não acatou e tentou sair correndo para dentro da residência onde foi necessário o uso da força para conte-lo. 

Enquanto a equipe policial tentava imobilizar o adolescente, entrou na residência vários familiares que tentaram investir contra a equipe para evitar que o adolescente fosse imobilizado e conduzido, sendo necessário usar a força para se desvencilhar dessas pessoas, pois estava muito tumultuado o ambiente (todas mulheres). Em contato com a senhora proprietária da residência, ela disse que não iria representar contra o neto, e só queria que ele parasse de quebrar suas coisas, pois tal atitude é freqüente. 

Diante dos fatos a equipe policial conduziu o adolescente até o 2° Pelotão PM de Chopinzinho para identificação, onde na seqüência compareceu o pai dele e a equipe do conselho tutelar, que acompanharam a confecção da documentação pertinente ao fato, posteriormente o adolescente foi orientado e liberado para seu pai.

FONTE PM

0 comentários:

Postar um comentário

Nossos Parceiros

Previsão do tempo

Estamos no Facebook

Nossos Parceiros